MATÉRIAS

16/03/15 - Cultivo da mamona é a nova aposta dos assentados castilhenses

A maior produtora privada de mamona do mundo está fixando seus olhos em Castilho, mirando mais especificamente as pequenas propriedades rurais dos 13 assentamentos instalados no município durante o processo de reforma agrária.


A experiência de plantio em Castilho começou no ano passado, quando o assentado Francisco Assis Souza, o “Nino”, de 48 anos, aceitou o desafio de implementar esta nova modalidade de produção em sua propriedade: o sítio Bom Jesus, localizado no assentamento da Fazenda Pendengo.


Além dele, outras 14 famílias aceitaram a proposta feita pela Cavalcante Agroindustrial e atualmente possuem, juntos, 35 alqueires de terras cultivadas com mamona no município. “Eles nos deram toda a assistência que precisamos para o pontapé inicial. Recebemos o adubo, as sementes, o veneno para dessecagem e até mesmo antecipação financeira para o preparo do solo. Além disso, o frete correrá por conta da empresa, que irá nos pagar R$ 1,00 pelo quilo da mamona produzida”, explicou Nino sobre os incentivos oferecidos pela indústria mineira.


Todo este apoio reflete a ampla visão de auto sustentabilidade defendida pelo jovem empresário Cyro Cavalcante. É a sua própria empresa quem produz o adubo fornecido aos produtores. Este adubo é formado à base do lixo orgânico reciclável retirado de usinas de triagem de pequenas cidades no centro oeste mineiro, mais a adição da própria torta (bagaço) de mamona, proveniente do processo de esmagamento da mesma.


Outra grande vantagem oferecida aos produtores na Pendengo é a possibilidade de plantio consorciado. As opções mais rentáveis são o amendoim e/ou gergelim entre as “ruas” de mamona. “O gergelim dá um pouco mais de trabalho, porém ajuda no combate às formigas. Mas o bom mesmo é que esta produção também tem mercado certo, porque a Cavalcante produz óleo destas sementes e assim como o óleo da mamona, o mercado externo é o grande alvo da empresa”, explica Maria de Fátima Jesus Silva, 33, esposa de Nino.


OUTRAS VANTAGENS – Nino e Maria conheceram o trabalho da Cavalcante através de uma reportagem do Embrapa e decidiram entrar em contato para ver as possibilidades de implantar a cultura no município. Desde que iniciaram o diálogo, estão bastante familiarizados com as propostas do visionário Cyro Cavalcante. “Os investimentos da empresa no Estado de São Paulo estão avançando e a proposta de aumentar o plantio por aqui também. Cyro já anunciou seu interesse em iniciar o plantio de mudas em viveiro no segundo semestre deste ano e planeja retornar a Castilho até o término deste mês para ver se outros produtores se interessam pelo plantio da cultura. Todos os pés que temos plantados em Castilho agora são insuficientes para as máquinas da empresa moerem num só dia. Por isso, quanto mais plantarmos, mas venderemos e mais a empresa exportará para várias partes do mundo”, explica Nino.


A parte social da indústria também beneficia as famílias camponesas. Cyro Cavalcante mantém uma proposta em parceria com as prefeituras, revertendo parte dos investimentos no plantio em melhorias para os assentados. A proposta dele para Castilho é criar um Centro de Atendimento Médico e Odontológico na Pendengo, numa parceria público-privada onde a empresa arca com a compra de equipamentos necessários e a prefeitura, em contrapartida, fornece os profissionais e o local para instalação do projeto.


O vice-prefeito e diretor do Departamento de Desenvolvimento Econômico e Social, Paulo Boaventura (PMDB), e o diretor da Divisão Agropecuária, José Carlos Justi, pretendem reunir-se com Cyro Cavalcante em sua próxima visita para avaliar as propostas e parcerias que podem ser firmadas entre as partes.


VISITAÇÃO PROGRAMADA – Nino e sua esposa Maria incentivam outros produtores a conhecerem as vantagens deste tipo de plantio que não atrai pragas, conserva o solo e possui fácil manejo. Para isso, colocaram sua propriedade à disposição para visitação agendada. Quem tiver interesse em conhecer de perto esta experiência pode entrar em contato com eles através do telefone (18) 99721-5519, ou combinar os detalhes visitando a página deles no Facebook:www.facebook.com/profile.php?id=100009053616220 (Francisco Souza).



Fonte: http://www.paparazzinews.com.br/
<< Voltar para matérias